Os gradis que guardam e ornam janelas, portas e varandas forjam a inspiração. As formas curvilíneas - algumas centenárias e elaboradas em ferro ainda no início do século passado - estão espalhadas pelas edificações dos bairros antigos da capital pernambucana e reproduzidas na coleção Grades do Recife. Composta por vasos, luminárias, cestos e fruteiras, a linha de objetos cativa o olhar com a originalidade da amarração de fios coloridos. O trabalho artesanal transforma o desenho rígido em poesia com memória e história da arquitetura eclética.

Vaso Casa Amarela da Coleção Grades do Recife